); ga('send', 'pageview');

Prémio Literário Revelação Agustina Bessa Luís prolonga prazo

A recepção de obras originais para a 12ª edição do Prémio Literário Revelação Agustina Bessa-Luís expira 31 de Maio.

O júri do Prémio Literário Revelação aboliu, desde 2016, o limite de idade de 35 anos para as candidaturas.

Com a eliminação dessa norma considerada restritiva, a Estoril Sol procura corresponder às pretensões de numerosos candidatos, que se viam impossibilitados de participarem. Mantém-se a obrigatoriedade do romance concorrente ser inédito, e de autor português e, “sem qualquer obra publicada no género”. Lançado em 2008, o Prémio Literário Revelação, tem o valor de 10 mil euros e será publicado pela Editora Gradiva. O júri será presidido por Guilherme D `Oliveira Martins.

Em 2018, o romance vencedor do foi “Um Passo para Sul”, de Judite Canha Fernandes. Considerado pelo júri como “um romance fundado num triângulo geográfico e existencial, repartido por Cabo Verde, São Tomé e Açores. Os registos linguísticos e imaginativos do crioulo inscrevem-se criativamente na estrutura global da narrativa, contribuindo para a formatação de uma linguagem literária muito estimulante”.

A Estoril Sol também mantém o Prémio Literário Fernando Namora, desde 1988, bem como o Prémio Cidadania Cultural Vasco Graça Moura, que homenageia a sua memória.

Para acessar o regulamento e demais informações, clique aqui.